21 de mai de 2011

Ainda insisto


(...) como menina-teimosa que sou,
ainda insisto em desentortar os caminhos.
Em construir castelos sem pensar nos ventos.
Em buscar verdades enquanto elas tentam fugir de mim.
A manter meu buquê de sorrisos no rosto, sem perder a vontade de antes.

[Caio Fernando Abreu]

2 comentários:

  1. E que a gente tenha sempre essa força, de manter um buquê de sorrisos sem perder a vontade de antes!
    Um beijo, lindinha!

    ResponderExcluir
  2. Nem sempre é fácil, viu?!
    Tem dias em q a gente está tão mal, tão deprê q até a alegria dos outros incomodam... n sei se já aconteceu com vcs, mas era como se o mundo fosse injusto de as pessoas estarem tão bem e eu tão mal....

    Mas a gente tem q buscar sorrir sempre e fzr as pessoas sorrirem tb...

    ResponderExcluir