27 de dez de 2011

Os que permanecem

Nas minhas memórias avulsas, encontrei vocês.
 Aquela coisa livre e solta, aquela coisa verdadeira que não permanece por um segundo, por apenas um momento, mas permanece a vida inteira.Os olhares, as conversas jogadas foras, mas muito bem guardadas, as risadas, os micos, os abraços. O bom é que as memórias ficam, os cheiros ficam, os sorrisos marcam e agente espera que em alguma esquina nos vejamos de novo e recomeçamos da estaca zero, uma nova história mais bela ainda. 
É né escola que entendemos muitas vezes o que significa a palavra amizade. É onde fazemos coisas engraçadas que marcam em nossas vidas. É pagar o maior mico e nunca mais esquece-lo. É pegar a certos costumes por tudo que se passou.É estar olhando para o professor falando sobre um assunto, mas você estar completamente em outro lugar. 
São momentos, risadas, pessoas que marcam em nossas vidas e que nunca iremos esquecer.
São pessoas que vem, que ficam e que nunca iram ir embora.
Com certeza nunca irão embora, o que passamos juntos, as histórias que não poderão ser apagadas por qualquer coisa, os jeitos os costumes, nos tornamos verdadeiros irmãos.
E chegando no fim dessa caminhada sabemos que as estradas que foram destinadas a nós, talvez nos separem. Mas o que não podemos esquecer é quem nós fomos, quem nós descobrimos ser com cada um.  Pois essa caminhada esse período,  é o que mais marca em cada vida.
Que vocês permanecem, tenho certeza que irão permanecer, mesmo que seja em um baú ao qual eu cuido com muito carinho chamado memória.
(Karine Cassol)

2 comentários:

  1. Maravilhoso texto ... ficam p sempre dentro do coração
    beijos ***

    ResponderExcluir
  2. Karine ameei mesmo meu deus muito obrigada com toda a certeza vou ler esse texto cara ameei de mais me salvasse e pode deixar que vou dar os créditos quando terminar de ler obrigada meesmo mil beeijos pra você

    ResponderExcluir