11 de ago de 2014

Uma viajem ao inesperado, ao ver e ao mesmo tempo não ver nada certo, mas um mar de incertezas. Na ponta dos pés calos, bolhas, e um turbilhão de caminhos cruzados que marcarão seu nome. Não são apenas simples passos, são estradas sem fim, conduzidas e orientadas com amor e carinho por alguém maior. Vou começar por algo simples e objetivo. Amor. Acho que minha história se resume até aqui nessa palavra, amor não é apenas se atrair por alguém do sexo oposto, não vai além dessa visão. Amor para mim foi detalhado de uma forma tão detalhada, esclarecida, esmiuçada pelo próprio Criador, que é meu Pai, que me surpreende a cada novo dia. Nunca imaginei compreender um pouquinho desse amor que é amor verdadeiro, genuíno e puro. Ser um milagre pode parecer distante mas todos nós somos milagres feitos pela mão de um pai que nos ama.
 Karine Cassol

Um comentário:

  1. Com toda certeza Karine! Ah este amor, amor de nosso Pai... Adorei a escrita.

    Beijos,
    http://mylife-rapha.blogspot.com

    ResponderExcluir