6 de ago de 2011

Não, não foi assim!

E no segundo seguinte, sem nenhuma transição, sem nenhum obstáculo - as rosas estavam na mão da empregada, não eram mais suas, como uma carta que já se pôs no correio! Não se pode mais recuperar nem riscar os dizeres! Não adianta gritar "Não foi isso que eu quis dizer".
(Clarice Lispector)

Um comentário: